Injustiça Futebol Clube

Chuva, frio e fim de mês. Três componentes que devem ter ajudado a afugentar o público do Engenhão na tarde deste domingo, pela 25ª rodada do Brasileirão 2010. O jogo valia muito e depois do tropeço do Cruzeiro, diante do Santos, era a oportunidade que o Alvinegro queria para entrar de vez na briga pelo título. O Botafogo precisa provar a cada rodada que pode lutar pelo título, já que a imprensa esportiva considera o time de Joel Santana como “carta fora do baralho” até mesmo pela vaga na Libertadores 2011.

Mesmo com seis desfalques – façam as contas: Antônio Carlos, Marcelo Mattos, Maicosuel, Herrera, Loco Abreu e Danny Moraes – Joel conseguiu montar uma equipe valente e que teve o domínio da partida até aos 45 minutos do segundo tempo. O gol de Guerron, após falha individual do volante Elizeu, comprometeu a boa atuação dos reservas e até os perseguidos Fahel e Lucio Flavio jogaram bem. A tristeza dos jogadores ao fim da partida deve ficar no vestiário do estádio, pois nesta quarta o time precisa superar as limitações e vencer o Corinthians em São Paulo.

Vamos ao jogo! Joel Santana barrou as ações ofensivas dos paranaenses na etapa inicial e o placar só não foi maior pelo excesso de firulas do Jobson, que preferiu cavar um penal ao invés de finalizar a jogada, e pelo incrível gol perdido por Marcelo Cordeiro, sem goleiro, após bela jogada de Lucio Flavio. O torcedor vibrou com a belíssima trama de Alessandro, Túlio Souza e Jobson que resultou no chutaço de Edno. Ao contrário do que ocorreu em outros jogos, o time não recuou e continuou atacando e tocando a bola.

Lucio Favio jogou bem e teve o nome gritado pela torcida alvinegra!

O técnico paranaense fez duas alterações na volta do intervalo e colocou a equipe pra frente, em busca do gol de empate, mas as ações continuaram iguais, ou seja, posse de bola sem ameaça para Jefferson. Na metade do segundo tempo, Joel lançou Caio no lugar de Lucio Flavio, que saiu aplaudido pela torcida, e depois Túlio Souza, outro que teve o nome gritado, deu lugar a Renato Cajá. O Botafogo avançou os jogadores de meio de campo e passou a contra-atacar com mais perigo, principalmente pelo lado direito com Alessandro, Caio e Somália. O segundo parecia questão de tempo

Tudo caminhava para a conquista dos três pontos até que Elizeu, que entrou para reforçar a marcação, tentou inverter uma jogada e entregou o ouro. Guerron acertou um chute de rara felicidade, a bola ainda tocou em Jefferson e na trave, para igualar o placar e estabelecer mais uma injustiça à campanha alvinegra no campeonato. O Atlético-PR, inteiro, sofreu para empatar com um Botafogo desfigurado. O arremate de Caio, no travessão, aos 48 minutos finais, foi a gota d’água para o desespero.

Paciência, calmante e água com açúcar! A rodada foi quase perfeita e uma vitória colocaria o Botafogo no quarto lugar, mas com apenas seis pontos atrás líder Fluminense, agora a diferença são de oito pontos. A sequência traumática do 1º turno se repete e já são quatro jogos sem vitórias: uma derrota e três empates. É preciso reencontrar o caminho certo novamente e tudo começa nesta quarta, diante do Corinthians. Vamos, FOGO!

Suspenso! Jobson levou o terceiro amarelo e não enfrenta o Corinthians!

Ficha Técnica:

25ª Rodada: Botafogo 1 x 1 Atlético-PR (26/09/2010)

Botafogo: Jefferson, Fahel, Leandro Guerreiro e Fábio Ferreira; Alessandro, Somália, Túlio Souza (Renato Cajá), Lucio Flavio (Caio) e Marcelo Cordeiro; Jobson e Edno (Elizeu)

Técnico: Joel Santana

Atlético-PR: Neto, Wagner Diniz (Elder Granja), Manoel, Rhodolfo e Paulinho; Chico (Paulo Baier), Victor, Guerrón e Branquinho; Maikon Leite (Thiago) e Bruno Mineiro

Técnico: Paulo César Carpegiani

Gol do Botafogo: Edno, aos 22 minutos iniciais

Gol do Atlético-PR: Guerron, aos 45 do segundo tempo

Local: Engenhão (RJ) / Público: 9.142 presentes / Renda: R$ 160.660,00

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Cartão Amarelo: Somália, Marcelo Cordeiro, Edno, Jobson e Renato Cajá (Botafogo); Wagner Diniz, Guerrón, Thiago, Paulo Baier (Atlético-PR)

Crédito das fotos: Paulo Sérgio do Lancenet!

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

2 Respostas to “Injustiça Futebol Clube”

  1. Luciano Says:

    Criei um blog sobre meu time de coração que é Fluminense e gostaria de perguntar
    se você poderia me ajudar fazendo uma parceria de link comigo,desde já muito
    obrigado e parabéns pelo seu blog:
    http://fluzaoeterno.blogspot.com/

    Fluzão Eterno

    • christianjafas Says:

      Claro, vamos conversar. Estou sem tempo agora, mas vou colocar o seu link no campo Futebol Carioca.

      Você pode fazer o mesmo do seu lado.

      Um abraço,

      Christian

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: