Prazer, Loco Abreu!

Uruguai x Gana foi um jogo épico onde aconteceu de tudo. Uma partida com emoção, belos gols, destaques individuais e suspense até o fim. Isso é futebol ou cinema? O personagem principal desse enredo apareceu apenas no fim e que fim! Sebastián El Loco Abreu escreveu o nome na história dos mundiais e garantiu a classificação uruguaia para a semifinal contra a Holanda!

Gana era a esperança africana na Copa do Mundo e 84 mil torcedores lotaram o Soccer City, em Joanesburgo, para empurrar o time de Asamoah Gyan rumo à inédita classificação para as semifinais. A África estava unida e torcendo contra o Uruguai. Seria a vingança contra a seleção que venceu a África do Sul por 3 a 0 na fase de grupos.

A Celeste Olímpica não chegava tão longe em mundiais desde a Copa de 70 e aproveitou a empolgação inicial para pressionar Gana. O goleiro Kingson teve muito trabalho para segurar o ataque uruguaio. Suárez, aos 11, Diego Fórlan, aos 17, e novamente Suárez, aos 25 minutos, deixaram o estádio em silêncio e as vuvuzelas só voltaram a ensurdecer, aos 29, após cabeçada perigosa do zagueiro Vorsah. Logo depois, Boateng fez excelente jogada e rolou com açúcar para Asamoah Gyan, mas o artilheiro perdeu um gol feito.

Pode comemorar! Muntari arriscou de muito longe e fez um golaço!

As ações estavam equilibradas e ficou claro que o jogo seria decidido nos detalhes. O técnico uruguaio Oscar Tabárez foi o primeiro a suar frio quando, aos 37 minutos, o capitão Lugano, machucado, pediu para sair. O zagueiro sentiu o joelho, após cair de mal jeito, e não conseguiu ficar em campo.

Do outro lado, o técnico de Gana, o sérvio Milovan Rajevac, fora pressionado para escalar o volante Muntari na partida decisiva. Enquanto pensava se tinha acertado em ceder à pressão, Ravejac viu o jogador da Inter de Milão acertar um chutaço da intermediária e fazer Gana 1 a 0. Fim de primeiro tempo.

Dia de golaços! Diego Forlán bate falta com violência e empata o jogo.

Com a saída de Lugano, Diego Fórlan, o camisa 10 uruguaio, ficou com a braçadeira de capitão e também com a responsabilidade de comandar a seleção na segunda etapa. Fórlan sabia que o Uruguai precisava do empate para esfriar Gana e calar a fanática torcida africana.

A oportunidade apareceu, aos 10 minutos, em cobrança de falta lateral, à esquerda da grande área. Fórlan não quis saber de cruzar e soltou uma bomba! A Jabulani fez o que se esperava dela e enganou o goleiro Kingson que ficou perdido no lance. Falha do goleirão? A bola mudou duas vezes a trajetória antes de tomar o destino final. Golaço!

O jogo virou uma luta de boxe, mas apenas no futebol! Uruguai e Gana partiram para o ataque, com força total, para evitar a exaustiva prorrogação, mas Muslera e Kingston fecharam o gol. Appiah e Adiyah entraram em Gana. Lodeiro e Loco Abreu no Uruguai. Reforço no setor ofensivo em busca da classificação, nada de retranca. Os times cansados e mais trinta minutos de emoção pela frente!

Vamos para mais trinta minutos de bola rolando!

Que defesa! No último lance da prorrogação, Suárez salva o Uruguai!

Na primeira etapa, Gana recuperou o fôlego, enquanto os uruguaios tentaram um abafa em busca da vantagem. Nada de gols e virada imediata para os últimos quinze minutos de bola rolando. A preparação física dos ganeses parecia superior e foi contando com o gás extra que Gyan, Appiah, Adiyiah e Boateng encurralaram os uruguaios no campo defensivo. Virou ataque contra defesa e o famoso “Bola pro mato que o jogo é de campeonato”!

O cronômetro marcava 15:50, o Uruguai, cansado, se defendia com valentia e esperava o apito final para decidir a vaga nos pênaltis. Cobrança de lateral para Gana no ataque e a Jabulani viaja para a área, bate-rebate, confusão, tira daqui e tira dali, até que Suárez, em cima da linha, faz uma defesa fantástica com as mãos! O juiz não vê, mas o assistente sinaliza! Pânico entre os uruguaios. Alegria nas arquibancadas. Suárez é expulso. Vuvuzelas enlouquecidas! Pênalti assinalado!

Vermelho no alto, bola na marca penal e desespero uruguaio no Soccer City!

Asamoah Gyan, o craque do time, três gols na Copa do Mundo, dois deles de pênalti (um contra a Sérvia e outro anotado contra a Austrália), coloca a bola na marca de cal, respira fundo e… PAUSA!

Com este pênalti, Gyan pode se igualar a Roger Milla como sendo o africano, jogando por uma seleção africana, que mais fez gols em Copa do Mundo. E mais: nunca uma seleção africana conseguiu chegar até a semifinal. Que responsabilidade!

PLAY: Gyan solta uma bomba que explode no travessão! Histeria no Soccer City! Choro de Luisito Suárez, incredulidade geral e o árbitro português Olegário Benquerença, que não é bobo nem nada, não quis foi mais confusão e apitou o fim de jogo.

Gyan muda a forma de cobrar a penalidade e manda a Jabulani no travessão!

Inacreditável! Gyan se desespera com a oportunidade desperdiçada!

É pênalti? Então é melhor chamar Sebastian El Loco Abreu!

Reunião de um lado, conversa de outro, replay e mais replay do lance capital da partida enquanto os atores, digo, jogadores se preparam para o ato final do espetáculo! O Uruguai larga na frente: Fórlan com categoria. Gyan não se abate, mostra enorme coragem, coloca a bola no ângulo e deixa tudo igual.

As cobranças se sucedem: Victorino, 2 a 1, Appiah, 2 a 2, e Scotti, 3 a 2 para os uruguaios. O zagueiro Mensah não toma distância, ajeita o corpo e cobra muito mal, nas mãos de Muslera. Pérez, com a chance de ampliar, olha fixo para a bola e dispara um foguete para longe do gol. Vuvuzela e mais vuvuzela. O jovem Adiyiah tem a responsabilidade de recolocar Gana na disputa, mas Muslera acerta o canto e defende. Três cobranças seguidas desperdiçadas. E agora?

O 13 da sorte! O 13 de Zagallo! O 13 de Abreu! O 13 da classificação!

Com o número 13 nas costas, cabelos compridos e jeitão de quem está numa pelada com os amigos, Washington Sebastián Abreu Gallo, o maior goleador inscrito no mundial com 305 gols, ajeita a bola, dá uma olhada para o lado esquerdo do goleiro Kingson, avança e com incrível frieza – e muita categoria – pega por baixo da Jabulani e reedita a já famosa cavadinha da final do Campeonato Carioca: Gooooooooool do Uruguai!

Os torcedores africanos não entendem o que aconteceu, não conhecem Abreu e não sabem se tocam as vuvuzelas ou aplaudem. Festa uruguaia, festa botafoguense, festa em Montevidéu e festa em General Severiano! O Botafogo está com o Uruguai no mundial. Loco Abreu é o Botafogo nas semifinais da Copa do Mundo 2010!

Jogadores do Uruguai correm em direção à Loco Abreu!

Ficha técnica:

Uruguai 1 X 1 Gana (4 x 2)

Uruguai: Muslera, M. Pereira, Lugano (Scotti), Victorino e Fucile; Pérez, Arévalo Rios e Fernández (Lodeiro); Forlán, Suáres e Cavani (Loco Abreu)

Técnico: Oscar Tabárez

Gana: Kingson, Pantsil, Vorsah, Mensah e Sarpei; Annan, Inkoon (Appiah), Asamoah, Prince Boateng e Muntari (Adiyiah); Gyan

Técnico: Milovan Rajevac

Gol do Uruguai: Diego Fórlan, aos dez minutos do segundo tempo

Gol de Gana: Muntari, aos 46 minutos iniciais

Pênaltis do Uruguai: Diego Fórlan, Victorino, Scotti e Loco Abreu

Pênaltis de Gana: Gyan e Appiah

Estádio: Soccer City, em Joanesburgo / Público: 84.017

Data/hora: 02/07/2010 – 15h30m (de Brasília)

Árbitro: Olegário Benquerença (POR)

Auxiliares: José Cardinal e Bertino Miranda (POR)

Cartão Amarelo: Fucile, Arévalo Rios e Pérez (URU); Mensah, Pantsil e Sarpei (Gana)

Cartão Vermelho: Suárez (URU)

Loco Abreu dedicou o gol de pênalti aos torcedores do Botafogo!

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

2 Respostas to “Prazer, Loco Abreu!”

  1. Zero Santana Says:

    Muito legal esse post. Não tinha visto antes. Abraço. Tomara que ele volte logo pro Fogão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: